Inseminação Intrauterina e Coito Programado

Importante ressaltar que as duas técnicas  são consideradas de baixa complexidade.

Os fatores mais importante e determinantes para que os especialistas em reprodução humana recorram a  técnica de baixa complexidade, está relacionado a qualidade seminal ótima, com espermograma considerado normal e ausência de qualquer alteração anatômica de útero e trompas (tubas uterinas).

Em causas de infertilidade feminina, como anovulação crônica, que pode fazer parte da Síndrome do Ovário Policístico, técnicas de baixa complexidade podem ser uma importante ferramenta terapêutica.

Em algumas literaturas médicas a subinfertilidade masculina não é considerada contra-indicação para a técnica de inseminação intrauterina (IIU), porém, se trata de uma definição controversa.

Na teoria, a técnica de IIU pode permitir que um maior número de espermatozóides entre em contato com o óvulo. É feita a coleta do sêmen, e realizado o processamento seminal.

Dessa maneira permite que uma alta concentração de espermatozóides vivos e móveis, em um pequeno volume de meio de cultura, possa ser depositado no útero com auxílio de um cateter enquanto é feita a sincronização com a ovulação, em um ciclo natural ou com estimulação ovariana.

A IIU pode ser indicada em detrimento ao coito programado (CP) principalmente quando o fator cervical é a causa da infertilidade. Idade  e tempo de infertilidade também são determinantes para a melhor decisão terapêutica.

Importante lembrar que cada paciente possui suas particularidades e a consulta médica deve ser feita para elucidar quaisquer dúvidas sobre os tratamentos.

Obrigado.

Dr. Igor Faria Dutra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s